Bem-vindo ao Centro Islâmico Brasileiro - Últimos Artigos: Como devemos saudar o mês do Ramadan? - A virtude do Ramadan é alcançada pelo jejum em todos os dias - Parecer sobre aquele que esquece de repor jejuns perdidos - Por que os muçulmanos jejuam? - Responsabilidades de uma esposa para com seus pais - A sabedoria por trás do oferecimento da oração - A sabedoria provinda da prescrição do zakaah - Jogos, entre o que é lícito e o que é ilícito - Vontade e Decreto Divino - Condições das boas ações - Reflexão sob a visão do Islam - Como lidar com o vício das drogas? - Relações via Internet - Evidências para a validade do Islam - Razões detalhadas para o castigo no túmulo -
Este site tem por objetivo divulgar o Islam, seguindo a Ahlus Sunnah wal Jama'a (Seguidores da Sunnah e a Comunidade), o Islam em sua mais pura forma, o Islam que foi ensinado pelo nosso querido Profeta Muhammad (s.a.w.s) e seguido pelos seus Nobres Companheiros (Sahaba).


Ouça o Alcorão
Já está disponível em nosso
site o "Nobre Alcorão e seus
Significados em Português"
saiba mais



Leia o Alcorão
Agora além de poder ouvir a
bela recitação do Alcorão,
você também pode ler,...
saiba mais



Du'as - Súplicas
Aprenda como recitar de maneira correta os du'as (suplicas) em arabe saiba mais


Biblioteca Islâmica
"A teoria da evolução foi
tratada em capítulo à parte,
pelo fato de que constitui a
base de todas..." saiba mais



Assine nosso Jornal
Assine nosso Jornal Islâmico Online e receba no seu email as últimas atualizações do nosso site saiba mais



Perguntas e Respostas
Sinta-se à vontade para tirar todas suas dúvidas referente ao islam, alcorão, profeta mohammad, saiba mais



Civilização Islâmica
Dentro de poucos anos do crescimento do Islam no mundo, grandes civilizações floresceram saiba mais


Convertidos ao Islam

Nesta seção você conhecerá a história de pessoas que descobriram no Islam a Luz para as suas vidas. saiba mais

As grandes mulheres por trás de grandes homens (parte 2 de 4)
Clique aqui para retornar às Categorias de Artigos
Descrição: Assiya, a mãe adotiva de Moisés e esposa do faraó.
Por Aisha Stacey (© 2015 IslamReligion.com)
Publicado em 03 Aug 2015 - Última modificação em 03 Aug 2015
Visualizado: 105 (média diária: 164) - Classificação: nenhum ainda - Classificado por: 0
Impresso: 0 - Enviado por email: 0 - Comentado em: 0

Categoria: Artigos > Atualidades > Mulheres

http://www.luzdoislam.com.br/br/images/articles/The_Great_Women_behind_Great_Men_%28part_2_of_4%29_por-BR._001.jpgOutra grande mulher que criou um grande homem a despeito das dificuldades e pressões que enfrentou foi Assiya.  É mais lembrada como a mulher do faraó. Entretanto, essa grande mulher também foi a mãe adotiva do profeta Moisés.

Como Maria, a mãe de Jesus, Assiya foi uma mulher escolhida por Deus para cuidar de uma criança que cresceria para se tornar um profeta de Deus.    Que qualidades Assiya tinha com as quais apoiou e influenciou Moisés?  Mais uma vez, foi sua confiança completa e total em Deus.  Como esposa do homem mais poderoso e arrogante em todo o Egito, Assiya estava cercada de luxo, riqueza e beleza, mas ainda assim foi capaz de reconhecer que sem Deus os seres humanos estão perdidos e incompletos.

"Muitos homens alcançaram o nível de perfeição, mas nenhuma mulher alcançou esse nível exceto Maria, a filha de Imran e Assiya, a esposa do faraó." [1]

Quando a mãe biológica de Moisés foi compelida por circunstâncias a colocar seu pequeno recém-nascido em uma cesta nas águas do rio Nilo, seu coração estava totalmente partido.  Mas Deus é o melhor dos planejadores.  A serva de Assiya atraiu Moisés do rio e presenteou a esposa do faraó com o pequeno pacote.  Assiya, em contraste com seu marido arrogante e orgulhoso, era uma mulher virtuosa e misericordiosa.   Deus abriu seu coração e Assiya ao olhar para o pequeno bebê se sentiu tomada de amor por ele.  Pediu ao marido para aceitá-lo na família.

"E a mulher do Faraó disse: Será meu consolo e teu. Não o mates! Talvez nos seja útil, ou o adoremos como filho. E eles de nada se aperceberam." (Alcorão 28:9)

Mais uma vez o Alcorão nos conta muito pouco sobre Assiya e menos ainda sobre a relação dela com seu filho adotivo Moisés.  Entretanto, como uma mulher de fé, ela deve ter tido influência profunda sobre seu filho adotivo.  Moisés era franco, acreditava em dizer o que pensava e em defender os membros mais fracos da sociedade.   Sempre que testemunhava opressão ou crueldade, achava impossível não intervir.  Hoje a psicologia nos diz que esse senso de justiça e a habilidade de ter empatia é aprendida em uma tenra idade.  São habilidades que geralmente não se pode adquirir mais tarde.  Assiya deve ter ajudado a instilar essas qualidades em seu filho adotivo.

Enquanto crescia Moisés foi considerado um rapaz sábio e visto como filho do faraó em todos os aspectos.  Sabemos das palavras do Alcorão que a mãe biológica de Moisés foi sua ama de leite.  Ibn Kathir acredita que a mãe biológica de Moisés viveu no palácio enquanto ela o amamentava e que enquanto ele crescia, ela recebeu o privilégio de visitá-lo.  A influência dela também deve ter desempenhado um papel na formação do caráter de Moisés.

"Restituímo-lo, assim, à mãe, para que se consolasse e não se afligisse, e para que verificasse que a promessa de Deus é verídica. Porém, a maioria o ignora." (Alcorão 28:13)

Possivelmente Moisés foi uma criança amada tanto por sua mãe verdadeira quanto por Assiya. Há pouca dúvida de que antes de ter se tornado um homem Moisés soube sobre os Filhos de Israel e a situação política no Egito.  Várias circunstâncias, cujos detalhes podem ser encontrados no Alcorão, [2] forçaram Moisés a fugir do Egito.  De filho real a criminoso comum, como Assiya deve ter se sentido?

Podemos depreender que Assiya sabia do perigo inerente de permitir que Moisés compreendesse as diferenças entre sua vida no palácio e a vida de sua família biológica em um distrito empobrecido. No fim o faraó descobriu que sua esposa estava adorando em segredo o Deus de Moisés.   Ficou indignado e enraivecido.  O faraó ameaçou e adulou sua esposa Assiya, mas o coração dela agora pertencia somente a Deus.  O faraó ofereceu à esposa uma escolha: aceitá-lo (o faraó) como seu deus ou continuar a adorar o Deus de Moisés e ser torturada até a morte.  Assiya escolheu tortura e morte e em seus últimos momentos dolorosos pode ser ouvida chamando por Deus.

‘Ó Senhor meu, constrói-me, junto a Ti, uma morada no Paraíso, e livra-me do Faraó e das suas ações, e salva-me dos iníquos!" (Alcorão 66:11)

Como cuidadora e educadora principal, a mãe tem muitas e grandes responsabilidades, a mais importante sendo a de ensinar os filhos confiados a ela por Deus.  É a mãe que ensina primeiro aos filhos como conhecer e amar a Deus.  A melhor maneira de instruir as crianças é pelo exemplo, porque estão aprendendo a partir do momento que podem interagir com seu ambiente.  Como mães, tanto Maria quanto Assiya ensinaram os meninos sob seus cuidados a ter confiança total no Único merecedor de confiança - Deus.



Notas de rodapé:

[1] Saheeh Al-Bukhari

[2]Deus menciona Moisés no Alcorão mais de 120 vezes e sua história atravessa vários capítulos.  É a história mais longa e detalhada de um profeta no Alcorão e é discutida em detalhes elaborados. No capítulo 28 do Alcorão chamado "A Narrativa", os primeiros 45 versículos focam somente na história de Moisés.   

http://www.islamreligion.com/pt/articles/5047/as-grandes-mulheres-por-tras-de-grandes-homens-parte-2-de-4/

Hierarquia do Artigo:
Artigos Atualidades As grandes mulheres por trás de grandes homens (parte 2 de 4)


Navegação de Artigos:

<< Artigo Anterior || Próximo Artigo >>
Compartilhar esse Artigo:
Url
BBCode
HTML

Página Inicial | Últimos Artigos | Crenças do Islã | A Outra Vida | Evidência do Islã | Religião Comparada | Perguntas e Respostas | Busca | Contato |
Centro Islâmico Brasileiro (c) 2009-2021. Todos os direitos reservados.
Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2021 by Nick Jones.
Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3
voltar ao topo