Bem-vindo ao Centro Islâmico Brasileiro - Últimos Artigos: A Assembleia Diária do Profeta (parte 2 de 2) - A Assembleia Diária do Profeta (parte 1 de 2) - Capítulo 17, Al-Isra (A Viagem Noturna) (parte 2 de 2) - Capítulo 17, Al-Isra (A Viagem Noturna) (parte 1 de 2) - Capítulo 5, Al-Maidah (A Mesa Servida) (Parte 3 de 3) - Capítulo 5, Al-Maidah (A Mesa Servida) (Parte 2 de 3) - Capítulo 5, Al-Maidah (A Mesa Servida) (Parte 1 de 3) - Capítulo 4, An Nisa (As Mulheres) (parte 3 de 3) - Capítulo 4, An Nisa (As Mulheres) (parte 2 de 3) - Capítulo 4, An Nisa (As Mulheres) (parte 1 de 3) - Capítulo 18 Al-Kahf (A Caverna) (parte 2 de 2) - Capítulo 18, Al-Kahf (A Caverna) (parte 1 de 2) - Capítulo 80, Versículos 33-42: Uma Descrição do Dia do Julgamento - Capítulo 87 Al-A'la (O mais elevado) - Capítulo 89 Al-Fajr (A Alvorada) -
Este site tem por objetivo divulgar o Islam, seguindo a Ahlus Sunnah wal Jama'a (Seguidores da Sunnah e a Comunidade), o Islam em sua mais pura forma, o Islam que foi ensinado pelo nosso querido Profeta Muhammad (s.a.w.s) e seguido pelos seus Nobres Companheiros (Sahaba).


Ouça o Alcorão
Já está disponível em nosso
site o "Nobre Alcorão e seus
Significados em Português"
saiba mais



Leia o Alcorão
Agora além de poder ouvir a
bela recitação do Alcorão,
você também pode ler,...
saiba mais



Du'as - Súplicas
Aprenda como recitar de maneira correta os du'as (suplicas) em arabe saiba mais


Biblioteca Islâmica
"A teoria da evolução foi
tratada em capítulo à parte,
pelo fato de que constitui a
base de todas..." saiba mais



Assine nosso Jornal
Assine nosso Jornal Islâmico Online e receba no seu email as últimas atualizações do nosso site saiba mais



Perguntas e Respostas
Sinta-se à vontade para tirar todas suas dúvidas referente ao islam, alcorão, profeta mohammad, saiba mais



Civilização Islâmica
Dentro de poucos anos do crescimento do Islam no mundo, grandes civilizações floresceram saiba mais


Convertidos ao Islam

Nesta seção você conhecerá a história de pessoas que descobriram no Islam a Luz para as suas vidas. saiba mais

Capítulo 17, Al-Isra (A Viagem Noturna) (parte 1 de 2)
Clique aqui para retornar às Categorias de Artigos

Descrição: Uma jornada à noite, transgressões, mandamentos e algumas explicações.

Por Aisha Stacey (© 2018 IslamReligion.com)

 

Introdução

Esse é um capítulo de Meca de 111 versículos. Recebe seu nome da milagrosa viagem noturna de Meca a Jerusalém, que o profeta Muhammad, que a misericórdia e bênçãos de Deus estejam sobre ele, empreendeu no espaço de uma única noite. Essa jornada é mencionada no primeiro versículo e novamente no versículo 60. O capítulo 17 contém um conjunto articulado e fácil de entender dos mandamentos de Deus. A maior parte da Viagem Noturna lida com duas coisas: o Alcorão e o profeta Muhammad e a natureza de sua profecia. Os filhos de Israel também são mencionados.

Versículos 1- 8 Uma jornada à noite

Glorificado seja Deus. Levou o profeta Muhammad em uma jornada, em uma noite, da Casa sagrada em Meca, até a área abençoada em Jerusalém, em torno da mesquita. De modo a mostrar a ele alguns sinais. Deus também deu a Moisés, que era um servo agradecido, um livro como guia para os filhos de Israel. São descendentes de Noé e foram avisados para não tomar nenhum Protetor, além Dele.

Deus avisou aos filhos de Israel que por duas vezes se tornaram transgressores arrogantes e que por duas vezes foram punidos. Depois da punição prometida pela primeira transgressão, Deus permitiu que prosperassem. Quando chegou a segunda transgressão, Deus permitiu que seus inimigos destruíssem o templo como punição. Deus quer ser misericordioso, mas se o comportamento for repetido, a punição será repetida e o inferno se tornará sua prisão na outra vida.

Versículos 9 – 21 Deus vê tudo

O Alcorão nos guia em um caminho reto. Leva os que fazem o bem para uma magnífica recompensa e adverte os que não creem na Outra Vida de um doloroso castigo que os aguarda. A humanidade ora fervorosamente por coisas que a levará ao mal, tão facilmente quanto ora por aquilo que é bom. A humanidade é impaciente e age sem pensar.

Deus fez noite e dia como dois sinais. A noite é consagrada na escuridão e é seguida pela luz do dia para que a humanidade possa buscar sua recompensa e contar os anos para calcular o tempo. Cada pessoa é responsável por seu próprio destino e no Dia do Juízo, será confrontada por seu livro de ações. Leia esse registro, lhe será dito, e saiba qual será seu destino.

Todos que são guiados o fazem por seu próprio benefício, mas se pecarem, só fazem mal a si mesmos. Nenhuma pessoa carrega o fardo de outra e ninguém será punido até que um mensageiro tenha chegado para mostrar o caminho verdadeiro. Se os corruptos persistirem em desobediência, serão totalmente destruídos. Muitas gerações passadas foram destruídas porque Deus vê tudo. Aqueles que desejam apenas essa vida mundana, têm seus desejos concedidos, mas no final serão condenados ao inferno. A pessoa que se esforça por uma boa vida na Outra Vida será aceita. Ambas as partes recebem as mercês de seu Senhor e alguns mais do que outros, mas a recompensa final é a que conta.

Versículos 22 – 40 Alguns mandamentos

Não associe nada a Deus ou será desonrado e abandonado. Deus ordena que não adores nada além d'Ele e que seja gentil com seus pais. À medida que envelhecem, não sejam impacientes ou duros com eles, mas sejam humildes e orem para que Deus os trate com misericórdia, como o trataram quando era jovem. Deus sabe exatamente o que está em seu coração e Ele é mais indulgente com os que se voltam para Ele em arrependimento.

Dê aos seus parentes os direitos deles, mas também dispenda com os necessitados e os viajantes. Não seja esbanjador, desperdiçando o seu dinheiro. Se não puder ajudar pessoas necessitadas, pelo menos seja cortês com elas. Não seja miserável ou extravagante, ao invés disso, adote um caminho intermediário. Deus dá abundantemente a alguns e pouquíssimo a outros; Ele conhece e observa a todos.

Não mate seus filhos por medo de não poder sustentá-los; é um grande pecado. É Deus que os sustenta; não podem causar pobreza; essa é a vontade de Deus. Nem se aproxime de cometer adultério; não tire uma vida, exceto nas leis de Deus. Se alguém é morto injustamente, Deus concedeu um direito de retribuição, mas não seja vingativo e exagere. Não negocie com a propriedade de órfãos, exceto com boas intenções.

Honre seus compromissos porque será questionado sobre eles. Conduza o seu negócio de forma justa, dê a medida completa e não use a balança incorretamente. Não busque aquilo sobre o qual não tem conhecimento - use seu coração, olhos e ouvidos para confirmar as coisas que ouve. Não ande sobre a terra arrogantemente. Um ser humano é apenas uma criatura pequena e fraca; não aja como se fosse mais que isso.

As ações mal mencionadas acima são detestáveis a Deus e Ele conhece a sabedoria em sua proibição. Mais uma vez, não crie outra coisa além de Deus para ser adorado ou será jogado no Inferno. Não diga que Deus tomou os anjos como filhas. Essa é uma afirmação monstruosa com graves consequências.

Versículos 41 – 52 Explicações

O Alcorão explica as coisas de muitas maneiras, mas isso faz algumas pessoas se afastarem ainda mais. Se realmente havia alguma outra divindade, por que não destrona o Mestre do Trono?! Ele é exaltado e muito acima do que dizem sobre Ele. Tudo nos céus e na terra O glorifica, mas não compreendem como glorificam.

Quando recita o Alcorão existe uma barreira entre vocês e os que não creem na Outra Vida. Não o entendem e quando a Unicidade de Deus é mencionada, se afastam. Deus está ciente que (os incrédulos de Meca) querem ouvir (do profeta Muhammad) e Ele sabe que em privado chamam o profeta Muhammad de um homem enfeitiçado. Discutem se serão ressuscitados depois de se tornarem ossos e pó. Deus diz, mesmo que fossem pedras e ferro seriam trazidos de volta. Ordena então ao profeta Muhammad que transmita a mensagem. Quando perguntarem quem fará isso, diga, Aquele que os criou em primeiro lugar, e quando perguntarem quando isso acontecerá, lembre-os de que pode ser muito em breve. No Dia que forem ressuscitados, imaginarão que tinham estado mortos por um tempo muito curto.

 

https://www.islamreligion.com/pt/articles/11143/capitulo-17-al-isra-viagem-noturna-parte-1-de-2/

Hierarquia do Artigo:
Artigos O Alcorão Sagrado Capítulo 17, Al-Isra (A Viagem Noturna) (parte 1 de 2)


Navegação de Artigos:

<< Artigo Anterior || Próximo Artigo >>
Compartilhar esse Artigo:
Url
BBCode
HTML

Página Inicial | Últimos Artigos | Crenças do Islã | A Outra Vida | Evidência do Islã | Religião Comparada | Perguntas e Respostas | Busca | Contato |
Centro Islâmico Brasileiro (c) 2009-2018. Todos os direitos reservados.
Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2018 by Nick Jones.
Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3
voltar ao topo