Versão Mobile do Site Centro Islâmico Brasileiro
Centro Islâmico Brasileiro Mobile - Últimos Artigos
História da criação (parte 2 de 2)
Descrição: O artigo fala da criação da Tábua, dos céus, terra, mares, rios, chuva, sol, lua, anjos, gênios e humanidade.
Por Imam Kamil Mufti (© 2017 IslamReligion.com)
 
A Tábua Preservada (Al-Lawh Al-Mahfuz)
A Pena, que foi criada 50.000 anos antes dos céus e da terra, escreveu no que é conhecido como al-Lawh al-Mahfuz, a Tábua Preservada.  Deus a chama de al-Lawh Al-Mahfuz porque está protegida de quaisquer alterações e também protegida de acesso.  Tudo está dentro daquele Livro, até mesmo, como Deus nos diz, uma folha que cai da árvore.  Tudo que teria acontecido, aconteceu e acontecerá está escrito ali.
Estabelece a confiança de um crente em Deus de que o que Deus escreveu foi escrito para o nosso bem e que tudo acontece por sabedoria.  Às vezes conseguimos entender, mas outras vezes somos confortados e ficamos satisfeitos sabendo que Deus sabe o que está fazendo.
Céus e terra
Referindo-se ao que os cientistas chamam hoje de Big Bang, o Alcorão diz: "Não veem, acaso, os incrédulos, que os céus e a terra eram uma só massa, que desagregamos, e que criamos todos os seres vivos da água? Não creem?" (Alcorão 21:30)
Baseados no versículo seguinte, alguns sábios afirmam que Deus criou os céus antes de criar a terra: "Porventura a vossa criação é mais difícil ou é a do céu, que Ele erigiu? Elevou a sua abóbada e, por conseguinte, a ordenou, Escureceu a noite e, (consequentemente) clareou o dia; E depois disso dilatou a terra, Da qual fez brotar a água e os pastos. E fixou, firmemente, as montanhas, Para o proveito vosso e do vosso gado." (Alcorão 79:27-33)
Deus diz no Alcorão:
"Vosso Senhor é Deus, Que criou os céus e a terra em seis dias, assumindo, em seguida, o Trono." (Alcorão 7:54)
Deus realmente não precisava de seis dias. Podia simplesmente dizer "Sê" e teria passado a existir.  Por que Deus criaria em seis dias ao invés de apenas em um segundo ou menos? Talvez Deus quisesse nos ensinar uma das qualidades amadas por Ele, que é fazer as coisas lentamente e planejando-as adequadamente.
Mares, rios & chuva
Deus nos diz que Ele é Quem criou os céus e a terra, enviou chuva do céu, produzindo frutos e sustento para nossa sobrevivência.  Deus proveu para nós mares e navios para navegarmos por esses mares.  Deus colocou rios a nosso serviço e o sol e a lua em seus circuitos.  Deus colocou a noite e o dia a nosso serviço.  Deus diz que nos deu tudo que precisamos para sobreviver.  Se tentássemos contar as bênçãos de Deus, não seríamos capazes de fazê-lo (ver Alcorão 14:32-34).
"E foi Ele Quem submeteu, para vós, o mar para que dele comêsseis carne fresca e retirásseis certos ornamentos com que vos enfeitais. Vedes nele os navios sulcando as águas, à procura de algo de Sua graça; quiçá sejais agradecidos. E fixou na terra sólidas montanhas, para que ela não estremeça convosco, bem como rios, e caminhos pelos quais vos guiais. Assim como os marcos, constituindo-se das estrelas, pelas quais (os homens) se guiam. Poder-se-á comparar o Criador com quem nada pode criar? Não meditais? Porém, se pretenderdes contar as mercês de Deus, jamais podereis enumerá-las. Sabei que Deus é Indulgente, Misericordiosíssimo." (Alcorão 16:14-18)
A terra nos beneficia de maneiras inumeráveis.   Se olharmos para a superfície da terra, Deus diz que Ele a fez especial para nós, significando que ela é fácil de percorrer.  Agora imagine se a superfície da terra fosse toda como as montanhas e todos tivéssemos que viver em regiões acidentadas e difíceis de caminhar.  Ele fez a superfície macia para podermos cavar e plantar.  Mas, ao mesmo tempo, fez a terra estável e firme o suficiente para permitir a construção a partir de seus materiais.  Também criou a gravidade para não voássemos o tempo todo.
Sol & Lua
O sol é uma criação magnífica de Deus e é possível constatar que Deus jura pelo sol no capítulo Ash-Shams, para conceder uma apreciação maior por essa dádiva que Ele nos deu.  Muitas religiões no passado atribuíram qualidades especiais ao sol e muitas pessoas adoraram o sol.  Deus diz:
"E, entre os Seus sinais, contam-se a noite e o dia, o sol e a lua. Não vos prostreis ante o sol nem ante a lua, mas prostrai-vos ante Deus, que os criou, se realmente é a Ele que quereis adorar." (Alcorão 41:37)
Com o sol, lua e as estrelas existem muitas superstições e até seres humanos racionais podem ter essas superstições muito estranhas.  As pessoas geralmente colocam a lógica de lado quando se trata de superstições.  Existe astrologia, horóscopos e outras coisas semelhantes que não fazem absolutamente nenhum sentido, mas dão às pessoas esperança que não existe ou razão para sua paranoia.  O Islã proíbe completamente a ida a adivinhos ou acreditar neles.
Criação dos Anjos
Deus criou os anjos da luz.  São incapazes de desobedecê-Lo e fazem exatamente o que lhes é ordenado.  São responsáveis pela execução de muitas tarefas diferentes.   Por exemplo, Gabriel foi responsável por transmitir a revelação de Deus para Seus mensageiros.  Ao nos ensinar sobre os anjos, Deus nos esclarece a integridade da mensagem na forma como veio aos mensageiros, entre muitas outras coisas.
Algo único em relação à crença islâmica nos anjos é que não acreditamos no anjo caído e que o demônio fosse um anjo.
Além disso, anjos não são robôs.  Têm muito caráter, amam e odeiam, oram e se inclinam a certas coisas, mas tudo isso dentro do escopo da obediência a Deus.
Criação dos Gênios
São criados do fogo, mas não de qualquer forma de fogo e sim da chama sem fumaça.[1] Deus os criou antes de nós.  Seu propósito em essência é o mesmo dos seres humanos: adorar e servir somente a Deus.
Criação da Humanidade
O primeiro humano a ser criado foi Adão.   A história de sua criação e os eventos que se seguiram foram cobertos em detalhes em outra série de artigos em nosso site[2].

Notas de rodapé:
[1]Para aprender mais sobre eles, veja: URL -of-jinn/
[2]Para ver essa série de artigos, clique aqui:URL -of-adam/
 
URL -da-criacao-parte-2-de-2/

Voltar aos Artigos
Principal